mais rigidez

Governo da Paraíba decide até segunda-feira (11) se João Pessoa terá lockdown

Nessa quinta-feira (7), o estado totalizou 1.849 casos confirmados e 111 mortes por covid-19

Brasil de Fato | João Pessoa (PB) |
Paraíba vem realizando testagem rápida para covid-19 desde 27 de abril - Divulgação / Governo da Paraíba

Para evitar um possível colapso na rede de saúde da Paraíba, o secretário estadual da Saúde, Geraldo Medeiros, informou, na noite desta quinta-feira (7), que o governo avalia a adoção de "lockdown", ou seja, a proibição de circulação de pessoas na cidade. A possibilidade de endurecimento da medida se deve ao baixo índice de isolamento social necessário ao combate da pandemia de covid-19, principalmente na região metropolitana de João Pessoa. A ação será avaliada neste fim de semana pelo governo estadual e a decisão deverá ser divulgada na segunda-feira (11).

“Na eventualidade de, neste fim de semana, as pessoas continuarem sem aderir na grande João Pessoa ao isolamento domiciliar, com certeza na segunda-feira (11) vocês devem ter mais novidades de restrição social e é isso que vai ser adotado se não houver uma modificação de percentual de isolamento”, disse Geraldo sobre a medida de restrição extrema. A maioria dos casos de coronavírus, na Paraíba, se concentram em João Pessoa, que possui 982 casos confirmados.

:: Cidade na Paraíba fecha comércio após pressão da população e recomendação do MP ::

Balanço

O estado da Paraíba registrou mais dez mortes por coronavírus nesta quinta-feira (7), conforme o último boletim epidemiológico publicado pela Secretaria de Saúde do Governo do Estado da Paraíba. O aumento de 192 novos casos confirmados da Covid-19 nas últimas 24 horas, chama a atenção para o aumento da doença no estado. São 111 óbitos até o momento.

:: Cidade da Paraíba anuncia lockdown para conter avanço do coronavírus ::

João Pessoa continua em primeiro lugar em número de casos, com 982 infecções; Santa Rita tem 162 casos; Campina Grande, 89 casos; Cabedelo, 75 casos, Bayeux, 59 casos e Guarabira, agora com 52 casos confirmados, totalizando 1849 pessoas com a doença. 

Dos leitos de UTI ativados na Região Metropolitana de João Pessoa, 78% estão ocupados.

Fonte: BdF Paraíba

Edição: Camila Maciel e Heloisa de Sousa